spot_img
spot_img

Últimas Notícias

Em sermão do Dia de Nossa Senhora, arcebispo de Aparecida critica as armas, as fake news e a corrupção

- Advertisement -

Religioso lamenta as 600 mil mortes por Covid e pede por mais união no país

O arcebispo de Aparecida Dom Orlando Brandes pediu um país sem armas e sem fake news durante o sermão proferido nesta terça-feira (12) na missa das 9h do Dia de Nossa Senhora Aparecida.

“Para ser pátria amada não pode ser pátria armada”, afirmou o religioso. “Para ser pátria amada, seja uma pátria sem ódio. Para ser pátria amada, uma república sem mentira e sem fake news. Pátria amada sem corrupção e pátria amada com fraternidade. Todos irmãos construindo a grande família brasileira”.

- Advertisement -

Dom Orlando Brandes criticou ainda a corrupção e a fome no país, recordando do caso recente de venda de ossos em açougues. O arcebispo reforçou ainda a necessidade de um país mais unido e fraterno. “Vou pedir que cada um de nós abrace o Brasil, abrace o nosso povo, a começar pelo povo mais original. Vamos abraçar nossos índios, primeiro povo desta Terra de Santa Cruz. Vamos abraçar os negros, que logo vieram fazer parte desta terra. Vamos abraçar os europeus que aqui chegaram”, refletiu o religioso.

Também foram lembradas as 600 mil mortes por Covid-19 e corroborada a importância da vacinação. Assistiram à cerimônia o ministro da Cidadania João Roma e o ministro da Ciência e Tecnologia Marcos Pontes.

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Não Perca

Fique Sempre INFORMADO!

Receba em seu email as últimas notícias de americana e região!

WhatsApp chat