spot_img

Últimas Notícias

HM faz contrato emergencial por fornecimento de profissionais

- Advertisement -
Convênio no valor de R$ 2,3 milhões tem validade de 30 dias e é específico para atender aos casos de Covid-19

A empresa SBCD (Sociedade Beneficente Caminho de Damasco) assumiu, nesta quinta-feira (15), o contrato emergencial no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi (HM) em substituição à empresa Hygea. O contrato emergencial tem validade de 30 dias e é específico para atender aos casos de Covid-19, especialmente no PAC (Pronto-Atendimento Covid), setor que concentra os leitos de UTI e de enfermaria para o tratamento aos pacientes. O valor do contrato é de R$ 2,3 milhões.

Com o novo contrato, a empresa passa a fornecer médicos, enfermeiros, assistentes sociais, fisioterapeutas, farmacêuticos, biomédicos, técnicos e auxiliares, bem como responsáveis técnicos, todos por regime de escala de plantões, conforme a demanda apresentada.

“Nós fechamos esse contrato emergencial e isso irá garantir a devida assistência, não houve quaisquer prejuízos aos pacientes e o Hospital está atendendo normalmente todos os casos de Covid-19”, explicou o superintendente da Fusame (Fundação de Saúde de Americana), Eduardo Pramparo.

- Advertisement -

O secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira disse que o momento exigiu total empenho dos gestores, no intuito de preservar o bom andamento das atividades no HM, e que esse contrato dá segurança imediata durante esse período de transição.

“A empresa nos garante o aporte de recursos humanos e isso nos deixa seguros em relação ao momento delicado em que estamos vivenciando com a pandemia. Com certeza a situação exigiu muito empenho dos gestores para se chegar a um contrato ideal, sem perder a qualidade do atendimento que vem sendo prestado”, definiu Danilo.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Não Perca

Fique Sempre INFORMADO!

Receba em seu email as últimas notícias de americana e região!

WhatsApp chat