spot_img

Últimas Notícias

Abrigo na Fidam atendeu 136 pessoas em situação de rua

- Advertisement -

Estrutura foi desmontada, mas os atendimentos continuam em instituições da cidade

O abrigo emergencial para proteção das pessoas em situação de  rua do frio intenso foi desmontado nesta sexta-feira (6), depois atender 136 pessoas na Fidam (Feira Industrial de Americana) em 11 dias. A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos da Prefeitura de Americana informou que a abordagem social e o acolhimento continuarão nas instituições parceiras.

Dos 136 atendimentos realizados no abrigo temporário da Fidam, 47 aceitaram algum tipo de acolhimento. Foram encaminhadas para atendimento na comunidade terapêutica (2 pessoas), clínica Seara (5 pessoas), reinserção familiar (5 pessoas), recambio para cidade de origem (13 pessoas), família que alugou casa (1 pessoa), acolhimento no Lar Mãe Esperança (2 pessoas) e acolhimento na Associação Vinde a Luz (19 pessoas).

- Advertisement -

Em operação desde 27 de julho, o abrigo também acolheu neste período 10 animais de estimação das pessoas em situação de rua. Eles receberam ração, roupinhas e vacinas. Durante 11 dias  foram realizados vacinação, corte de cabelo, recâmbio para o município de origem, internações, encaminhamentos para o abrigo permanente e para hospital psiquiátrico, tratamento médico, entre outros. A todos os acolhidos no abrigo emergencial foi oferecido o acolhimento no abrigo permanente localizado na Praia Azul, sendo respeitada a decisão de cada um, informou a Guarda Municipal.

A partir deste sábado (7), poderão ter acesso às refeições por meio dos projetos de outras instituições de atendimento social. Os serviços de acolhimento e de encaminhamentos continuam sendo realizados no município, por meio das instituições e do Seas (Serviço Especializado de Abordagem Social).

 O prefeito Chico Sardelli (PV) se mostrou satisfeito com os resultados. “Pensamos nesta ação para, num primeiro momento, acolher e proteger as pessoas do frio intenso e fico muito feliz em ver que diversos dos atendidos aceitaram ser acolhidos para iniciarem um novo caminho em suas vidas. É uma grande satisfação ter o poder público como agente da reinserção social dessas pessoas”, disse.

“Está em fase de diagnóstico e elaboração a política de atendimento integrado, com a estruturação da rede de atendimento, a partir dos estudos e ações com o Comitê Intersetorial. A prefeitura também está estudando a viabilidade para a implantação da Casa de Passagem para pessoas em situação de rua”, disse a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Juliani Hellen Munhoz Fernandes

As doações excedentes recebidas durante a permanência do abrigo temporário na Fidam serão distribuídas entre as entidades e famílias em situação de vulnerabilidade do município.

Serviço:

Para informar sobre pessoas em situação de rua, mendicância ou exploração do trabalho infantil nas vias públicas, o telefone do SEAS é o 99632-5032. O Serviço de Acolhimento Institucional atende pelo telefone 3406-3655. A Guarda Municipal de Americana também pode ser acionada pelo telefone 153.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Não Perca

Fique Sempre INFORMADO!

Receba em seu email as últimas notícias de americana e região!

WhatsApp chat