spot_img

Últimas Notícias

Morre, por complicações da Covid-19, o prefeito de Hortolândia, Angelo Perugini

- Advertisement -
Ele tinha 65 anos e estava iternado em hospital particular de São Paulo desde 3 de fevereiro

Morreu na manhã desta quinta-feira (1), por complicações da Covid-19, o prefeito de Hortolândia, Angelo Perugini (PDT). Ele tinha 65 nos e estava internado em hospital particular de São Paulo desde o dia 3 de fevereiro.

Perugini recebeu atendimento inicialmente no Hospital Samaritano de Campinas, em 1º de fevereiro. Com o agravameto do caso foi transferido para a Capital. Em 15 de fevereiro, a Câmara dos Vereadores aprovou o afastamento de Perugini e o vice-prefeito, Zezé (PL), assumiu a prefeitura interinamente.

O pedetista também estava na presidência do Conselho de Desevolvimento da RMC (Região Metropolitana de Campinas), que foi assumida pelo prefeito de Jaguriúna, Gustavo Reis (MDB).

- Advertisement -

Às 9h desta quinta-feira, a Prefeitura de Hortolândia divulgou nota em que informou que o prefeito “teve um sigificativo agravameto no quadro clínico e algumas funções cerebrais podem ter sido afetadas”.

“Vários exames estão sedo realizados para saber o real impacto na sua recuperação. O acompanhamento da saúde dele junto aos médicos está sendo realizado pela filha mais velha e pelo amigo e secretário de Governo, Carlos Augusto César “Cafu”.
Qualquer informação que não provenha dessas duas pessoas ou por canal oficial da Prefeitura não é verdade.
Pedimos que respeitem os familiares e amigos e, principalmente, o prefeito, que segue lutando arduamente pela vida! Continuemos em orações pela sua recuperação.”, trouxe a nota.

Alguns veículos chegaram a noticiar a morte antes da confirmação, que só aconteceu às 10h15.

BIOGRAFIA

Perugini foi eleito prefeito pela quarta vez em 2020, com 52,05% dos votos válidos. Antes, elegeu-se também em 2005, 2008 e 2016. Ao fim da apuração, ele teve 52,05% dos votos válidos, o equivalente a 53.225 votos.

Perugini nasceu em Jacutinga (MG) e mora em Hortolândia desde 1981 quando a cidade ainda era distrito de Sumaré. Foi vereador e uma das vozes da emancipação do município, em 1991. De 1997 a 2000, foi vice-prefeito e atuou na implantação do Hospital Municipal Governador Mário Covas, quando era secretário de Saúde. Foi eleito prefeito de Hortolândia pela primeira vez em 2005, pelo PT, partido pelo qual foi filiado por 36 anos, e foi reeleito em 2008. Em 2015, elegeu-se deputado estadual e, no ano seguinte, venceu novamente as eleições municipais para prefeito.

Foi casado com a advogada e ex-deputada estadual Ana Lúcia Lippaus Perugini com que teve três filhas: Mariana, Angela e Tainah.

“Lamento profundamente a morte de Ângelo Perugini, mais uma vítima da Covid-19. Prefeito de Hortolândia por quatro mandatos, honrou o cargo que ocupou e foi exemplo de dedicação à população. Sua colaboração para a emancipação do município e desenvolvimento da região é um legado muito importante. À família e amigos, meus sinceros pêsames”, manifestou-se o governador João Doria (PSDB).

“Angelo Perugini foi um amigo e companheiro político de longa jornada juntos, alguém que construiu e esteve conosco no Partido dos Trabalhadores por muitas décadas, e que sempre lutou para a melhoria das condições de vida do povo de Hortolândia, do estado de São Paulo e do Brasil. Obteve, em vida, o reconhecimento do povo da cidade, que sempre lhe deu apoio para liderar e atuar como gestor público. Recém-eleito para o seu quarto-mandato, estava na linha de frente do enfrentamento da pandemia, que pode ser ignorada e menosprezada por alguns em palácios em Brasília, mas que os prefeitos nas cidades não tem como negar o drama que tantas famílias estão vivendo. Foi mais uma das centenas de milhares de vítimas do covid19 que vão cedo demais, e que não precisariam ter partido se  algumas autoridades tivessem assumido suas responsabilidades em buscar vacinas e tomar as medidas preventivas contra a disseminação do vírus. Meus sentimentos e solidariedade aos familiares, amigos, companheiros de Angelo Perugini e ao povo de Hortolândia.”, postou o ex-presidente Lula em seu site.

A Prefeitura de Hortolândia informou que o corpo do prefeito será sepultado em Jacutinga (MG), sua cidade natal, nesta sexta-feira (2), em cerimônia restrita à família.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Não Perca

Fique Sempre INFORMADO!

Receba em seu email as últimas notícias de americana e região!

WhatsApp chat