spot_img

Últimas Notícias

Prontuário eletrônico do paciente será instalado em agosto em Americana

- Advertisement -

Projeto-piloto será implantado na ESF dos bairros Antônio Zanaga e Parque da Liberdade, informou a Prefeitura

A Secretaria de Saúde de Americana implantará o prontuário eletrônico de pacientes em caráter experimental nas unidades de ESF (Estratégia Saúde da Família) dos bairros Antônio Zanaga e Parque da Liberdade, sendo posteriormente expandido para os demais serviços da rede. A previsão é que o projeto-piloto tenha início até o final de agosto.

A iniciativa foi confirmada, depois que o prefeito Chico Sardelli (PV) sancionou o projeto de lei autorizativo do vereador Gualter Amado (Republicanos), que traçou as diretrizes para a implementação, que permitirá que o médico tenha acesso a todo o histórico do paciente, independente da unidade onde esteja.

- Advertisement -

Segundo a administração municipal, os estudos para a implantação do projeto já vêm sendo delineados desde o início de 2021. O sistema é ofertado pelo Ministério da Saúde e utiliza os dados do SUS (Sistema Único de Saúde), desde a identificação do paciente até a conduta clínica adotada e seu acompanhamento. A Unidade de Tecnologia da Informação, da Secretaria Municipal de Saúde, será responsável pelo suporte no desenvolvimento do sistema.

“O prontuário eletrônico é uma demanda que já estamos trabalhando desde o início da nossa gestão, ele representa um grande avanço em termos de gestão dos recursos, bem como vai garantir ao paciente um cuidado integral através do seu histórico registrado de forma eletrônica. Trata-se de uma modernização do modelo estabelecido, já que a oferta de novas tecnologias nos permite o uso de ferramentas para agilizar e tornar mais eficientes os processos de trabalho, favorecendo dessa forma o trânsito dos usuários em toda a rede de saúde local”, afirmou o secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira.

Por ocasião da aprovação do projeto, em junho, Gualter disse que existe uma lei federal que obriga os municípios a implantar o prontuário eletrônico, através do e-SUS. “Nós propusemos esse projeto de lei para chamar a atenção de que existe a necessidade de implantar o prontuário na cidade de Americana, porque nós perdemos muito com diagnósticos errados, com receitas médicas que não valem nada”, explicou o vereador.

“O prontuário eletrônico está ali para dar essa segurança para o paciente e isso é o que a gente está cobrando”, disse. O acesso ao prontuário seria pelo registro profissional do médico e pelo número do cartão SUS do paciente.

Saiba Mais

A Lei nº 6.534, de 26 de julho de 2021, institui o prontuário eletrônico na saúde, com o objetivo de unificar as informações de cada paciente para que ele tenha um histórico médico que possa ser avaliado por qualquer profissional habilitado em qualquer unidade de atendimento em Americana.

O prontuário eletrônico armazenará informações pessoais do paciente, como nome completo, endereço, tipo sanguíneo, doenças diagnosticadas, telefones e e-mail. Além disso, o sistema terá detalhado todas as consultas, exames indicados, exames realizados, medicamentos receitados pelos médicos, entre outras informações que se julgarem indispensáveis pelo gestor de saúde municipal.

Já os pacientes cadastrados no prontuário eletrônico poderão receber mensagens por e-mail, SMS ou outros meios de comunicação sobre sobre exames, laudos, procedimentos ambulatorial e hospitalar e outras informações de saúde.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Não Perca

Fique Sempre INFORMADO!

Receba em seu email as últimas notícias de americana e região!

WhatsApp chat