spot_img

Últimas Notícias

Instituto Jr Dias vai ampliar projeto social para mais duas regiões de Americana

- Advertisement -

Iniciativa foi anunciada, depois que a Câmara aprovou projeto do Executivo que declara a associação de utilidade pública

O Instituto Jr. Dias, radicado no Bairro Antônio Zanaga, em Americana, vai expandir o projeto esportivo e social destinado a crianças, jovens, adultos e idosos para a região da Vila Mathiensen/Jardim dos Lírios, São Roque/Jardim da Paz e Parque Gramado, em razão da declaração de utilidade pública da associação, na sessão de Câmara desta quinta-feira (12).

Por 17 votos favoráveis e abstenção do vereador Juninho Dias (MDB), filho dos fundadores da entidade, Izabel Dias, 55, e Paulo Dias, 62, o instituto poderá agora estabelecer parcerias e buscar recursos para ampliar o projeto para bairros que concentram famílias em situação de vulnerabilidade social. Com as atividades paralisadas desde o início da pandemia, em março do ano passado, os diretores cuidam da organização interna para retomar as aulas presenciais.

- Advertisement -

Izabel informou que o instituto, que funciona há 30 anos, está voltado para a região do Pós-Anhanguera, como Zanaga, Praia Azul e São Vito, mas a intenção é expandir para todos os bairros de Americana. São mais de mil atendidos, em dez modalidades esportivas, como futebol society, karatê, zumba, ginástica, muay thai e jiu jitsu.

A intenção também é ampliar as modalidades, que podem ser realizadas em espaços públicos, campos de futebol e centros comunitários. Os professores serão cedidos pela entidade, em parceria com a Secretaria de Esportes. Juninho informou, inclusive, que o instituto está em busca de profissionais credenciados.

“Nós estamos nessa correria de organização, estamos nessa correria de (busca de) professores, quais são as modalidades, porque na hora que tiver a retomada, com certeza, vai ser muito organizado e a coisa vai acontecer melhor do que antes”, afirmou Juninho. O esporte, ressaltou o vereador, transforma vidas, contribui para afastar as crianças das drogas e para a qualidade de vida.

PIONEIRA

A mãe de Juninho Dias foi pioneira. Há 30 anos, começou a praticar o Karatê e conquistou vários títulos municipais e estaduais. Hoje, é inspiração para a nova geração. Ela calcula que atualmente, 40% dos seus alunos são do sexo feminino. “A mulherada está amando”, ressaltou. A busca pela modalidade é motivada principalmente pela divulgação da conquista de medalhas por programas televisivos, ainda mais pós Olimpíada, explicou.

“Realmente eu fui a primeira a competir, a primeira mulher, aqui da cidade. Com isso, incentivei várias a começarem a treinar. Americana foi uma das primeiras cidades a ter uma campeã paulista, isso, eu”.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Não Perca

Fique Sempre INFORMADO!

Receba em seu email as últimas notícias de americana e região!

WhatsApp chat