Pesquisar
Close this search box.

Redação Jornal Americanense

Histórico casarão do Centro Cultural de Nova Odessa ganha novos espaços

O histórico Centro Cultural Herman Jankovitz, situado na Avenida João Pessoa e mantido pela Secretaria de Esportes, Cultura e Turismo da Prefeitura de Nova Odessa, está passando por uma reforma, com a construção de novos espaços em sua área externa. Em 2021, o prédio principal já havia recebido um amplo restauro promovido pela Prefeitura, que restituíram suas características originais. No local, vai voltar a funcionar em breve, também, a Biblioteca Municipal Professor Antonio Fernandes Gonçalves.

A nova intervenção foi viabilizada pela gestão municipal através de uma parceria com a Construtora e Incorporadora Condeuba, que está lançando um novo prédio residencial na cidade, o Edifício Montesino, no Jardim Santa Luiza 1 – que inclui ainda uma reforma e modernização das instalações do Ginásio Municipal de Esportes Jaime Nércio Duarte, do Jardim Santa Rosa.

A área externa do Centro Cultural de Nova Odessa está ganhando um novo muro nos fundos, um labirinto com materiais recicláveis, um Jardim Sensorial (um espaço inclusivo voltado para pessoas com necessidades especiais planejado e montado para estimular os sentidos por meio de plantas e materiais diversificados), um novo salão aberto (ou “tenda”) de jogos e uma “casa da árvore” (com balanço) para as crianças ampliarem seu contato com natureza de maneira lúdica.

“Reformar e ampliar os espaços do nosso Centro Cultural é preservar a História da nossa cidade e do nosso povo. E um povo sem história é um povo sem identidade própria, sem carinho pela cidade onde mora. Então essa é uma obra muito importante para Nova Odessa”, comentou o prefeito Cláudio José Schooder, o Leitinho.

“A reforma tornará o ambiente do Centro Cultural ainda melhor e mais acolhedor. Os novos espaços, em conjunto com os serviços que já são oferecidos no local, se tornam bastante atrativos para a população e permitem novas ações culturais em Nova Odessa”, acrescentou o responsável pelo Departamento de Cultura e Turismo, Lucas Camargo.

RESTAURO

Por se tratar de um prédio antigo, de 1932, a reforma estrutural geral do Centro Cultural, realizada entre 2021 e 2022 pela Prefeitura, começou pelo reforço da estrutura do casarão, que apresentava algumas rachaduras, através de novas estacas escavadas de suporte aos alicerces.

Depois, o prédio principal passou por um serviço de restauração de suas características arquitetônicas originais, incluindo a pintura, nas cores originais, das paredes, fachada e portas internas (que não podem ser trocadas por serem originais), além de reparos nos banheiros e na cozinha, nos forros de madeira (interno) e PVC (externo), a recuperação da calçada em mosaico português e a pintura do portão metálico original.

Foi contratada, na ocasião, uma artista especializada em restaurações de prédios históricos, para reproduzir a pintura e os padrões originais, com base no acervo de imagens do próprio Departamento de Cultura e Turismo do município. A Prefeitura investiu R$ 116.295,19 no restauro do prédio principal.

COmpartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Cultura

16 jun 2024

Neste segundo Domingo da Família São Vicente (16), encerramento da Festa de Americana, ocorre o espetáculo inédito “A Força do

Cultura

15 jun 2024

Neste sábado (15) é a vez da boiadeira Ana Castela, Gustavo Mioto, Lauana Prado e da dupla Jorge & Mateus

Cultura

13 jun 2024

Neste sábado (15) a banda Dance of Days, que marcou profundamente o cenário emo e hardcore dos anos 2000, fará

Cultura

13 jun 2024

O Mês do Rock será celebrado em Americana com a segunda edição do “Rock Day Festival”, nos dias 19 e

Cultura

12 jun 2024

O Teatro Municipal “Manoel Lyra” será reinaugurado no dia 26 deste mês, data em que completa 29 anos de existência,

Cultura

12 jun 2024

A Prefeitura de Americana, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, entrega nesta quarta-feira (12), às 10h, a nova