Últimas Notícias

Teatro Manoel Lyra completará 27 anos com concerto gratuito de orquestra caipira

- Advertisement -

A Violas & Violinos – Uma Orquestra Caipira é composta por seis violinos com seis violas e mais um “grupo de apoio” composto por sanfona, flauta, violão, contrabaixo “de pau” e um cajon

O Teatro Municipal “Manoel Lyra” de Santa Bárbara d’Oeste completa 27 anos neste mês. Para comemorar a data, a população terá acesso à apresentação Violas & Violinos – Uma Orquestra Caipira no dia 23 de junho, às 20 horas, na sala de espetáculos. A entrada é gratuita.

A Violas & Violinos – Uma Orquestra Caipira é composta por seis violinos com seis violas e mais um “grupo de apoio” composto por sanfona, flauta, violão, contrabaixo “de pau” e um cajon. Com um repertório escolhido a dedo, o grupo mescla músicas cantadas com instrumentais, erudito com o caipira tradicional, caipira pantaneiro e paulista de Almir Sater e Renato Teixeira.

- Advertisement -

O comando e os arranjos são do Maestro Agenor Ribeiro Netto que aproveitou sua enorme experiência como maestro do Festival Viola de Todos os Cantos da EPTV, a regência das orquestras Sinfônica de Poços de Caldas e Jazz Sinfônica de São João da Boa Vista e 11 anos à frente do musical Sinfonia das Águas.

Algumas das músicas do repertório: “Pagode em Brasília”, “Sinfonia nº 40 de Mozart”, “Tocando em frente”, “Primavera de Vivaldi”, “Anunciação”, “Evidências”, “Boate Azul”, “Pour Elise”, “O menino da porteira”, “Mercedita”, “Pompa e Circunstância”, “Quinta Sinfonia de Beethoven”, “Rio de Lágrimas” e outros grandes sucessos.

A apresentação conta com patrocínio da EPTV Campinas.

Ingressos

A reserva de ingressos será feita pelo site www.culturasbo.com. É possível reservar um ingresso por CPF para o dia do evento. A reserva de ingressos também pode ocorrer de forma presencial na bilheteria do Teatro “Manoel Lyra”, de segunda a sexta-feira, 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30.

Teatro

Inaugurado em 26 de junho de 1995, o Teatro Municipal “Manoel Lyra” foi um espaço criado para resgatar a emoção, o interesse e o desenvolvimento cultural de Santa Bárbara d’Oeste. Hoje é um ícone da cultura e um patrimônio da história barbarense e recebe o nome de um pioneiro do teatro no interior paulista: Manoel Lyra, artista barbarense que dedicou sua vida à arte dramática de forma apaixonada e incansável.

O Teatro Municipal “Manoel Lyra” é palco de diversas manifestações culturais: teatro, dança, shows musicais, palestras, workshops, orquestras, entre outros. Por ano, mais de 45 mil pessoas prestigiam apresentações na sala de espetáculos barbarense.

O local tem capacidade para 596 pessoas, sendo 584 poltronas, seis poltronas para obesos e seis lugares para cadeirantes, contando com 4 camarins (2 superiores e 2 inferiores), palco italiano com 12 metros de boca e 9 metros de profundidade, além de uma excelente acústica.

Quem foi Manoel Lyra?

O Teatro Municipal recebe o nome de um pioneiro das artes da cena no interior paulista: Manoel Lyra, artista barbarense que dedicou sua vida à arte dramática de forma apaixonada e incansável e foi um dos grandes batalhadores pelo teatro amador da cidade nas décadas de 50 e 60, quando existiam os grêmios dramáticos.

Nenê Lyra, como era chamado pelos amigos, foi operador da máquina de projeção do antigo Cine Santa Bárbara e depois do Cine Santa Rosa. Fundou os Grêmios Dramáticos “Os Filhos do Progresso”, “União Operária” e “Santa Bárbara” – esse último junto sua esposa Benedicta Amaral. Destacado como símbolo da arte teatral da cidade, Manoel Lyra morreu em 18 de janeiro de 1973.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Mais Lidas