Pesquisar
Close this search box.

Redação Jornal Americanense

Número de mortos por conta das chuvas no estado de SP aumenta para 24; oito vítimas são crianças

Os transtornos provocados pelo mau tempo também deixaram cerca de 1.546 famílias desabrigadas ou desalojadas

A Defesa Civil do Estado de São Paulo confirmou, na tarde desta segunda-feira (31), 24 óbitos em razão das chuvas que atingiram diversas regiões do estado desde a última sexta-feira (28). Os transtornos provocados pelo mau tempo também deixaram cerca de 1.546 famílias desabrigadas ou desalojadas.

Entre as vítimas há um total de oito crianças. Além disso, há sete feridos e oito desaparecidos. Ainda de acordo com a Defesa Civil, há ocorrências espalhadas por todo Estado relacionadas às chuvas, como alagamentos, queda de árvores, quedas de muros e deslizamentos de terra. No total, são 27 municípios afetados.

ITAPEVI – 1 óbito
ARUJÁ – 1 óbito
FRANCISCO MORATO – 4 óbitos
EMBU DAS ARTES – 3 óbitos
FRANCO DA ROCHA: 8 mortes (3 corpos ainda estão sendo extraídos dos escombros)
VÁRZEA PAULISTA – 5 óbitos
JAÚ – 1 óbito
RIBEIRÃO PRETO – 1 óbito

A Defesa Civil já forneceu, até o momento, 287 cestas básicas, 227 kits de higiene/limpeza e 294 kits dormitório.

Ajuda aos municípios
Neste domingo (30), o Governador João Doria sobrevoou as regiões castigadas pelas chuvas em Francisco Morato, Franco da Rocha e Caieiras, na Região Metropolitana de São Paulo, e anunciou a liberação imediata de R$ 15 milhões para um total de 10 cidades para auxiliar as prefeituras na recuperação urbana e social.

Os recursos anunciados serão destinados aos municípios de Arujá (R$ 1 milhão), Francisco Morato (R$ 2 milhões), Embu das Artes (R$ 1 milhão) e Franco da Rocha (R$ 5 milhões), na Região Metropolitana de São Paulo, e Várzea Paulista (R$ 1 milhão), Campo Limpo Paulista (R$ 1 milhão), Jaú (R$ 1 milhão), Capivari (R$ 1 milhão), Monte Mor (R$ 1 milhão) e Rafard (R$ 1 milhão), no interior do estado.

Os repasses poderão ser utilizados para reparar problemas urbanos crônicos dos municípios, que causam transtornos como pontos de alagamento e deslizamentos de terra.

Além da liberação dos recursos, o Governador determinou a criação de uma força-tarefa envolvendo Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Defesa Civil para apoiar todas as prefeituras das cidades que sofreram com as chuvas.

Municípios que decretaram Situação de Emergência: Francisco Morato, Caieiras, Franco da Rocha, Jaú, Embu das Artes, Capivari e Agudos.

Municípios atendidos com material de Ajuda Humanitária: Francisco Morato, Jaú, Presidente Venceslau, Embu das Artes e Monte Mor.

COmpartilhe

Facebook
X
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Cidades

12 jul 2024

A RMC (Região Metropolitana de Campinas) deve enfrentar um fim de semana marcado por variações climáticas, conforme indicam as previsões

Cidades

11 jul 2024

O Estado de São Paulo registrou em junho queda de 41% em focos de incêndios florestais em áreas protegidas e

Cidades

11 jul 2024

Férias escolares, tempo firme e bons ventos trazem de volta a temporada de pipas aos céus. Para que a

Cidades

11 jul 2024

A loja do bairro São Domingos da rede Pague Menos, em Americana, recebeu a terceira edição de 2024 do projeto

Cidades

10 jul 2024

Os vereadores de Americana encerraram nesta quarta-feira (10) as sessões ordinárias e iniciaram o recesso parlamentar que vai até o

Cidades

10 jul 2024

Considerada uma das maiores e mais importantes instituições de pesquisa científica do Estado de São Paulo, o IZ (Instituto de