Pesquisar
Close this search box.

Redação Jornal Americanense

Aniversário de Americana terá show de Dudu Nobre, ópera, circo, teatro e mais

“Estamos trabalhando para tornar nossa cidade cada vez mais inteligente e humana. A retomada dos grandes eventos em nossa cidade é motivo de muita alegria e demonstra que estamos no caminho certo”, comentou o Prefeito Chico Sardelli

Americana completa 147 anos no próximo dia 27 com uma programação especial gratuita de shows e apresentações culturais durante o fim de semana. São três grandes eventos, com atrações que vão do rap ao samba, passando pelo teatro, circo, ópera, dança e literatura, com destaque para o show do sambista Dudu Nobre.

O prefeito Chico Sardelli ressaltou a importância da comemoração. “É uma data muito especial para nossa cidade e fizemos questão de preparar uma programação para que as famílias possam celebrar esse momento”, afirmou. “Estamos trabalhando para tornar nossa cidade cada vez mais inteligente e humana. A retomada dos grandes eventos em nossa cidade é motivo de muita alegria e demonstra que estamos no caminho certo”, completou.

“A Secretaria de Cultura e Turismo se dedicou para que Americana comemore seus 147 com atrações artísticas de diversas modalidades culturais, para atender todas as idades. Fica nosso convite para que as famílias americanenses comemorem conosco o aniversário de nossa cidade”, declarou a secretária de Cultura e Turismo de Americana, Marcia Gonzaga Faria.

Ópera

A programação de aniversário começa na quinta-feira (25) com a ópera Pagliacci de Ruggero Leoncavallo, apresentada às 20h no Teatro Municipal Lulu Benencase, dentro do projeto “‘A Caminho do Interior”, realizado pelo Instituto Italiano di Cultura di San Paolo e o Consulado Geral da Itália.

A entrada é livre, sem troca de ingressos, até o limite da capacidade permitida do teatro e é importante chegar com 30 minutos de antecedência. O Teatro Municipal Lulu Benencase fica na Rua Gonçalves Dias, 696, Jardim Girassol. Mais informações pelo telefone (19) 3461-3145.

A trama da ópera trágica em dois atos começa quando uma companhia de circo chega a uma aldeia e o Palhaço principal anuncia o espetáculo, do qual sua mulher é a estrela. Adverte que na peça ela pode ser cortejada, mas que, na vida real, a coisa seria diferente. O que ele não sabe é que ela tem como amante um aldeão do lugar. Os dois se encontram e combinam de fugir naquela noite, mas são descobertos pelo marido que, vendo-se traído, entra em desespero e promete se vingar. É neste momento em que o Palhaço começa a confundir a comédia com a vida real e se descontrola, passando do fingimento à realidade.

Circuito Sesc

Na sexta-feira (26) às 16 horas, a Praça Comendador Müller, no Centro da cidade, recebe o Circuito SESC de Artes, que tem como atração principal em Americana o show da cantora e compositora Drik Barbosa, que apresenta faixas do seu disco de estreia. As músicas vão do rap ao pop, passando pelo R&B, funk e pagode, com letras criadas a partir de suas vivências sobre empoderamento feminino e negritude.

A programação inclui ainda a Grafiqueta Zine, um ateliê de criação de fanzines com Ateliê Libélula & Sarau Comics, de São Paulo, com o objetivo de apresentar uma nova forma de comunicação social e expressão artística.

No campo da arte circense o palco será do Circo Dux, do Rio de Janeiro, com o espetáculo “Mix Dux”. Palito e Lucas vão desafiar as leis humanas jogando facas, torcendo corpos e fazendo música com objetos inusitados, em um verdadeiro show de acrobacia, malabarismo e ilusionismo.

A parte teatral está garantida com O Bonde, que apresentará a peça “Quando Eu Morrer Vou Contar Tudo a Deus”, baseada em uma história real. Ao som de tambores e violão, os atores-narradores contarão a história do menino africano Abou, encontrado dentro de uma mala tentando entrar no continente europeu.

A dança estará presente com o espetáculo de Lindy Hop apresentado pelos artistas do Behoppers, de Minas Gerais. O estilo de dança nascido nos EUA nos anos 20 mistura breakaway, charleston e sapateado e a plateia está convidada a participar e se divertir durante uma aula aberta logo em seguida.

A programação de sexta-feira será encerrada com as “Histórias para guardar na memória” apresentadas pelo coletivo paulistano Brotando em Mim. Eles trarão uma seleção diversa de livros indicados para crianças de 0 a 99 anos, apresentando aos leitores um mundo de aventuras, alegrias e outros sentimentos humanos.

Show

O sambista Dudu Nobre encerra a programação gratuita de aniversário de Americana com show na Praça Comendador Müller, no dia 27, às 19h. A agenda de atrações começa às 14 horas com uma série de apresentações musicais. Uma praça de alimentação será montada no local para o conforto dos frequentadores.

O show do artista, que além de intérprete, também se consagrou como compositor de obras que alcançaram grande sucesso nacional na voz de seu padrinho Zeca Pagodinho, promete animar as famílias americanenses.

O cantor e compositor alcançou grande sucesso ao gravar clássicos como “Tempo de Dom-Dom”; “Goiabada Cascão”; “A Grande Família”; “Posso Até Me Apaixonar”; “No Mexe Mexe”; “No Bole Bole”; “Vou Botar Teu Nome Na Macumba”; “Camarão que Dorme a Onda Leva”; entre outros.

COmpartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Cultura

23 maio 2024

Com intuito de dar detalhes sobre o edital de Credenciamento de Trabalhadores da Cultura como instrutores do Programa de Formação

Cultura

21 maio 2024

Hits que marcaram época vão tomar conta do palco do Teatro Municipal Lulu Benencase, neste sábado (25), com o show

Cultura

21 maio 2024

Verso Vivo” de Santa Bárbara d’Oeste. O público pode vivenciar as apresentações entre os dias 14 e 16 deste mês

Cultura

21 maio 2024

O Teatro Municipal Lulu Benencase apresenta nesta sexta-feira (24), às 21h, a comédia “O Vison Voador”, que traz no elenco

Cultura

21 maio 2024

O Festival Raízes de Santa Bárbara trará uma das maiores duplas do sertanejo brasileiro, Edson & Hudson, neste domingo (26),

Cultura

20 maio 2024

O Cine Biblioteca desta quarta-feira (22) será especial, na semana do Festival “Itália na Brasil”, em comemoração aos 150 anos