Últimas Notícias

Datena lidera corrida eleitoral para o Senado paulista, aponta levantamento

- Advertisement -

O apresentador abriu vantagem de 7 pontos acima do segundo colocado.

Pesquisa divulgada nesta segunda-feira (30) pelo Instituto Paraná, indica o apresentador José Luis Datena (PSC) como principal indicado ao Senado paulista. Outros nomes conhecidos aparecem entre os mais indicados.

Com a proximidade das das Eleições 2022, cada vez mais institutos de pesquisas fazem e liberam pesquisas com a intenção de votos para os mais diferentes cargos. Recentemente, o Datafolha divulgou o mais recente levantamento para cargo da Presidência da República. A corrida pelo cargo de governador do estado de São Paulo também foi divulgada recentemente. Agora, chegou a vez dos representantes de SP no Senado.

- Advertisement -

O instituto levou em conta os principais apontados pelos eleitores. Além do apresentador Datena, nomes conhecidos e de destaque na imprensa nacional aparecem, entre eles o do ex-juiz Sérgio Moro (União Brasil); a médica e defensora do uso da cloroquina contra covid, Nise Yamaguchi (PTB); o ex-governador de São Paulo Márcio França (PSB); e o ex-presidente da Fiesp, Paulo Skaf (Republicanos).

O instituto levou em conta o pronunciamento de 1880 eleitores paulistas, ouvidos entre os dias 22 e 26 de maio. O cenário apresentou aos eleitores todos os pré-candidatos ao Senado, representando São Paulo.

Na ocasião, Datena aparece com 22,3%, 7 pontos acima do segundo colocado. Em segundo lugar, há o empate técnico entre três pré-candidatos: o ex-juiz Moro, com 16,5%; França com 13,2%. e Carla Zambelli (PL), com 11,9%.

Apesar de alcançar bons números como pré-candidato, atualmente França se apresenta como concorrente ao cargo de governador do Estado de SP. Contudo, há movimentações e conversas entre seu partido e o PT, para unirem forças. Se aceito, França apoiaria Fernando Haddad (PT) para o cargo de governador, enquanto o petista o apoiaria para o cargo no Senado.

Confira os resultados:

Datena (PSC) – 22,3%
Sérgio Moro (União Brasil) – 16,5%
Márcio França (PSB) – 13,2%
Carla Zambelli (PL) – 11,9%
Paulo Skaf (Republicanos) – 6,1%
Janaína Paschoal (PRTB) – 6,1%
Aldo Rebelo (PDT) – 1,2%
Nise Yamaguchi (PTB) – 1,1%
Heni Ozi Cukier (Podemos) – 1%
Ricardo Mellão (Novo) – 0,3%
Não sabe ou não respondeu – 6,9%
Nenhum, branco ou nulo – 13,6%

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-01735/2022.

- Advertisement -

Latest Posts

spot_img

Mais Lidas