Redação Jornal Americanense

Botão do Pânico já está disponível para utilização das escolas de Americana

O Botão do Pânico para emergências já está disponível para uso nas escolas da Rede Municipal de Ensino de Americana. Na sexta-feira (14), educadores foram capacitados para utilização da tecnologia e, agora, escolas estaduais e particulares também poderão ter acesso, bastando procurar a Guarda Municipal de Americana (Gama).

O prefeito Chico Sardelli, o vice-prefeito Odir Demarchi e o secretário de Educação, Vinicius Ghizini, acompanharam a capacitação de educadores ministrada por patrulheiros da Gama, na sede da corporação. Eles foram recepcionados pelo comandante da autarquia, Marco Aurélio da Silva, que também participou da reunião.

O Botão do Pânico é uma tecnologia que permite o acionamento imediato da Guarda em caso de emergência e cada unidade da rede municipal de Educação indicou três servidores para utilizá-lo. Além de adquirirem informações sobre o uso do aplicativo, os participantes receberam orientações para atuarem em situações extremas.

O prefeito destacou os esforços da Administração Municipal para que as escolas de Americana sejam ambientes seguros para receber crianças e os educadores. “Tudo o que podemos fazer estamos fazendo. Fomos uma das primeiras cidades a tomar iniciativa nesse sentido, pois queremos um trabalho muito forte para preservar a vida de nossas crianças e dos profissionais de Educação que convivem no dia a dia com elas. Confio em vocês e saibam que estamos investindo o possível para que vocês tenham a qualificação e o reconhecimento merecidos. Minha gratidão a cada um pelo que têm feito por nossas crianças nas escolas, viva a Educação!”, declarou.

O vice-prefeito agradeceu a Guarda por preparar os profissionais da Educação e lembrou a atuação dos educadores, sempre voltada ao bem-estar dos alunos. “Queremos dar essa tranquilidade aos professores pois são eles que todos os dias cuidam de nossas crianças. Que vocês tenham tranquilidade e segurança para trabalhar e saibam que podem contar sempre com a Guarda Municipal”, destacou.

Chico anunciou, na semana passada, um pacote de ações para reforçar e ampliar a segurança na Rede Municipal de Educação, incluindo a presença de vigilantes nas escolas e a ampliação do patrulhamento escolar feito pela Gama. O pacote denominado Núcleo de Segurança Escolar inclui a implantação do Botão do Pânico, o treinamento de educadores para atuarem em situações extremas, a convocação de psicólogos via concurso público para atuarem na prevenção de casos de violência nas escolas, além do Programa Escola Segura, que prevê o videomonitoramento em todas as escolas e prédios da Secretaria de Educação, com a instalação de 933 câmeras (em fase de licitação).

O secretário de Educação, Vinicius Ghizini, citou a agilidade no desenvolvimento e apresentação do Núcleo de Segurança Escolar. “A escola sempre foi um ambiente que, até então, víamos como inviolável e esse sentimento nos fez tomar decisões rápidas. Quando anunciamos a Escola Segura, a formação de hoje estava prevista, mas redobramos os esforços com novas ações porque, para a Administração Municipal, toda vida tem valor”, garantiu.

O comandante da Gama destacou a construção coletiva do pacote de ações e estimulou os educadores a contribuírem. “O trabalho é desenvolvido em conjunto, então sintam-se parte do processo para dar sugestões. Nosso intuito é um só: deixar nossas crianças e os funcionários da Educação seguros para que eles possam desenvolver nossos alunos da melhor maneira”, ressaltou.

A secretária adjunta de Educação, Evelene Ponce Medina, e o coordenador de Planejamento da Gama, Wendeo Santos, também participaram da atividade. 

A diretora da Casa da Criança Maíra, Veridiana Totti Menuzzo, agradeceu as ações desenvolvidas pelo município para ampliar a segurança dos profissionais da Educação e dos alunos da rede. “Gostaria de agradecer a atenção que vocês têm dedicado. A semana foi bem intensa, os pais estavam muito preocupados, e desde quarta-feira, a intensificação da roda escolar trouxe uma tranquilidade para os pais, e isso foi percebido pela comunidade”. Para ela, as medidas aproximaram os familiares do grupo de profissionais das escolas.

A mesma avaliação foi feita pela diretora da Casa da Criança Curió, Maria Ap. Antoniassi Beraldo. “As crianças têm recebido a Guarda muito bem. Reforço o que a Veridiana falou, os pais têm se sentido muito mais seguros e nós também”, disse.

COmpartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Polícia

1 mar 2024

Na noite da última quinta-feira (29), um incêndio de grandes proporções atingiu um depósito de recicláveis localizado na Avenida da

Polícia

29 fev 2024

Na tarde desta segunda-feira (26) uma tragédia em São Paulo vitimou fatalmente José Ribeiro, um morador de 60 anos da

Cidades, Polícia

23 fev 2024

Um acidente envolvendo dois caminhões e um automóvel deixou uma vítima fatal na Bandeirantes, em Santa Bárbara d’Oeste, nesta sexta-feira

Polícia

22 fev 2024

Daniel Alves, ex-jogador da Seleção Brasileira, foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por estupro. A sentença

Polícia

21 fev 2024

A vendedora Thamiris Nathalia Rulim, de 32 anos, é a primeira vítima de feminicídio em Piracicaba. Ela foi morta pelo

Polícia

17 fev 2024

Nesta sexta (16) Americana foi palco de um trágico acidente que resultou na morte de Antônio Ivan Moura Caetano, motoboy