Redação Jornal Americanense

Americana se consolida como referência em gestão ambiental

As ações da Secretaria do Meio Ambiente foram intensificadas em 2023, visando o atendimento dos moradores para a execução dos serviços de manutenção e zeladoria, licenciamentos ambientais e mobilização da população para a educação ambiental. Ao longo do ano, a Prefeitura de Americana realizou diversas melhorias e o trabalho de conservação da fauna e flora no complexo que integra o Parque Ecológico Municipal “Engenheiro Cid Almeida Franco”, o Jardim Botânico Municipal “Prefeito Carroll Meneghel” e o Viveiro Municipal, espaços importantes da cidade para a preservação do meio ambiente.

No Programa Município VerdeAzul, Americana conquistou, em 19 de dezembro, a nota máxima de 100 pontos e foi a 1ª colocada do Estado no ranking ambiental, entre as cidades com 100 e 500 mil habitantes do Estado. O programa incentiva a eficiência da gestão ambiental, estimulando as prefeituras na execução de políticas públicas e desenvolvimento sustentável.

Os municípios são avaliados de acordo com a medição de diversas diretivas, como Governança Ambiental, Avanço na Sustentabilidade, Educação Ambiental, Uso do Solo, Gestão das Águas, Esgoto Coletado e Tratado, Resíduos Sólidos, Qualidade do Ar, Arborização Urbana e Biodiversidade.

O secretário de Meio Ambiente, Fábio Renato de Oliveira, fez um balanço das ações de 2023. “Foi um ano muito produtivo em que conquistamos muitos resultados positivos em prol do meio ambiente e da qualidade de vida da população, prioridades na gestão do prefeito Chico Sardelli e vice Odir Demarchi. Conseguimos avançar em todas as áreas de responsabilidade da secretaria e conquistar ainda mais melhorias para a cidade em 2024. O título inédito para a cidade na primeira colocação do ranking ambiental do Programa Município VerdeAzul coroou todas as ações deste ano. Agradecemos a todos os parceiros nas ações e nos projetos desenvolvidos em 2023. Com a união e o empenho de todos, Americana hoje é referência na gestão do meio ambiente da região”, disse Fábio.

As atividades de conscientização e sensibilização para promover a Educação Ambiental no município atingiram um público de 33.598 pessoas nas ações presenciais e cerca de 40 mil nos projetos digitais. Foram 38 escolas participantes; 45 ações direcionadas à população em geral; 365 campanhas educativas online; 6 cursos presenciais e online; 4 visitas guiadas; 105 materiais educativos; 12 calendários ambientais e 12 inclusivos; 6 eventos com temáticas ambientais. Também foram promovidas ações temáticas: Semana da Água, Semana do Meio Ambiente e Semana da Arborização Urbana.

O concurso “Meio Ambiente equilibrado e água: direito de todos, preservar é nosso dever!”, lançado em março, no Dia da Árvore, foi realizado em parceria entre as secretarias de Meio Ambiente e de Educação, com o objetivo de incentivar a comunidade escolar e a população em geral a refletir e adotar hábitos sustentáveis em proteção do meio ambiente. Participaram alunos de escolas municipais, estaduais e particulares, do ensino infantil até o nível universitário, nas modalidades, como desenho, frase, vídeo, podcast, música e mascotes ambientais.

A 2ª FEAMA – Feira Ambiental Municipal de Americana, promovida em junho, reuniu um público rotativo de 10 mil pessoas que prestigiaram as diversas atividades realizadas no Centro de Cultura e Lazer (CCL). O evento fez parte da programação da Semana do Meio Ambiente e contou com a participação de mais de 60 expositores e colaboradores.

A segunda edição do Campeonato de Tampinhas Plásticas, Lacres e Blisters “Eu junto, você também. Todos fazendo o bem” está sendo realizada na cidade desde agosto e vai até maio de 2024, junto às unidades escolares das redes municipal, estadual e particular de ensino e entidades filantrópicas. O campeonato é promovido pela APAE – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Americana, em parceria com o CDP – Centro de Detenção Provisória, Rotary Club Ação, Obra Salesiana de Americana e a Cooperativa de Crédito e Investimentos Sicredi, e apoio das secretarias de Meio Ambiente e de Educação.

O prêmio “Destaques Ambientais 2023” – Programa Amigos do Meio Ambiente – 2ª edição, reuniu, em dezembro, cerca de 400 pessoas, em cerimônia realizada no auditório do Campus Maria Auxiliadora da UNISAL. O evento é um dos projetos elaborados pela Secretaria de Meio Ambiente, com o objetivo de valorizar as ações, os trabalhos de voluntariado e as parcerias firmadas em prol da educação ambiental, reconhecendo as personalidades ambientais, unidades de ensino, alunos, professores, organizações e empresas que tiveram destaque na preservação do meio ambiente no município.

Agro Americana

Com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente e da CATI – Coordenadoria de Assistência Técnica Integral da Casa da Agricultura, foi criada em 24 de julho a Associação dos Horticultores de Americana e Região – UNIHORTAS. O processo de criação da Associação foi muito importante para que os horticultores possam existir legalmente e com organização para fortalecer o segmento na cidade, que conta com mais de 80 hortas para o atendimento da população, segundo o secretário Fábio.

A Secretaria de Meio Ambiente, em parceria com a CATI, promove e apoia diversas ações, cursos e capacitações junto aos horticultores e agricultores da cidade, buscando promover a agricultura urbana. O Setor de Hortas apoia e incentiva a criação de associações e cooperativas com o objetivo de fortalecer a agricultura urbana e abastecer o comércio interno.

Americana realizou, em agosto, a 1ª Exposição de Agricultura Urbana – Agro Americana e a 51ª Exposição Nacional de Orquídeas, que atraíram um público estimado de nove mil pessoas nos três dias de evento, na Fidam – Feira Industrial de Americana. As exposições foram promovidas pela Secretaria de Meio Ambiente, Casa da Agricultura e Círculo Americanense de Orquidófilos.

Praças, jardins e Prefeitura na Área

Em maio de 2023, o prefeito Chico Sardelli lançou o programa “Prefeitura na Área”, visando levar ações de zeladoria, manutenção, ações e atividades para diversas regiões da cidade. Nas diversas edições do programa, a Secretaria de Meio Ambiente intensificou os serviços de manutenção nos bairros com a execução de podas e levantamento das copas das árvores, capinação, roçagem, recolhimento de galhos e limpeza, por meio da Unidade de Praças e Jardins (UPJ).

A ação “Todos plantando” contou com a participação de 100 crianças que realizaram, em 1º de julho, o plantio de 150 mudas para a implantação do Bosque Inclusivo, recuperando a área pública localizada na Rua Xingu, na região do Jardim São Roque. O evento foi promovido pela Secretaria de Meio Ambiente, em parceria com Rotary Club, encerrando as atividades do mês do Meio Ambiente e em comemoração aos 100 anos do Rotary no Brasil.

No início de dezembro, começaram as ações do projeto de arborização na Avenida Antônio Pinto Duarte, na região do portal de entrada da cidade. O plantio realizado nos canteiros da avenida está alinhado à criação de um novo bosque na região do Jardim Boer, composto por mais de 500 mudas de árvores.

O Calçadão foi revitalizado pela Prefeitura e entregue pelo prefeito Chico Sardelli em 18 de dezembro. A Secretaria de Meio Ambiente executou o novo projeto de paisagismo, com a colocação de vasos, adubação e plantio de novas mudas de plantas apropriadas para o local.

Fiscalização, Licenciamento e Projetos

A Secretaria de Meio Ambiente realizou, em 2023, ações importantes para a proteção, conservação, ampliação da diversidade de flora e a preservação da fauna. Para garantir a integração do ambiente urbano em sintonia com o meio ambiente, foram desenvolvidos 44 projetos de recuperação das matas ciliares dos cursos hídricos e proteção às nascentes, celebrando Termos de Compromisso de Recuperação Ambiental, para o plantio de 14.372 mudas de árvores.

Foram elaborados, este ano, três projetos de reflorestamento para o plantio de 6.415 mudas nativas no Sistema de Áreas Verdes do município. 

Foram 1.132 licenças e autorizações emitidas em 2023, 469 ações de fiscalização ambiental para garantir a conservação da biodiversidade, licenciadas 305 atividades de indústrias de impacto local e elaborados 12 pareceres técnicos em estudos de impacto de vizinhança.

O serviço de implantação do Monitoramento Eletrônico de Geradores, Transportadores e Destino Final de Resíduos Sólidos de Construção Civil gerou 11.656 ações de Controle de Transporte de Resíduos e 46 de transportadores cadastrados.

Complexo do Parque Ecológico

O Parque Ecológico – Zoo Americana recebeu cerca de 271 mil visitantes até 19 de dezembro de 2023. Por meio do NEA (Núcleo de Educação Ambiental), foram promovidos diversos cursos e visitas monitoradas para os alunos.

O Jardim Botânico recebeu 235 mil visitantes e usuários da pista de caminhada e das atividades físicas que o espaço oferece.

O Viveiro Municipal produziu e distribuiu plantas para compor o paisagismo da cidade, canteiros das avenidas, jardins, praças, calçadas e áreas verdes da cidade. Também recebeu alunos no espaço, promovendo a educação ambiental.

COmpartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Cidades

3 mar 2024

Morreu neste sábado (2), aos 58 anos, o 1º Sargento da Polícia Militar Claudinei Aparecido Ferraris, veterano do 19º Batalhão

Cidades

29 fev 2024

O governador Tarcísio de Freitas voltou à sede da B3 nesta quinta-feira (29) para bater o martelo no leilão internacional

Cidades

29 fev 2024

A Secretaria de Educação de Americana está com 18 vagas de estágio abertas para estudantes do Ensino Superior. São 12

Cidades

29 fev 2024

O Sinditec (Sindicato das Indústrias Têxteis de Americana e Região) lançou nesta quarta-feira (28) o primeiro “Concurso de Comunicação de

Cidades

28 fev 2024

O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Rafael Piovezan, e a secretária da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de

Cidades

28 fev 2024

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Sumaré, por meio do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), realizará o 3º Feirão