Redação Jornal Americanense

Mais de 130 cães são resgatados por maus-tratos em Limeira

Animais estavam sem comida em casa de condomínio no interior paulista

Mais de 130 cães da raça Lulu da Pomerânia (Spitz Alemão) foram resgatados em situação de maus-tratos no município de Limeira, no interior paulista. Os animais estavam presos em uma casa de um condomínio fechado. A operação de resgate foi realizada ontem (13) pelo Pelotão Ambiental e Canil da Guarda Civil Municipal (GCM) de Limeira e pela Polícia Civil de São Paulo. 

“Quando chegaram à casa, as equipes de polícia constaram a presença de vários cachorros em situação de abandono e sem comida. Muitos, inclusive, estavam sujos de fezes e aglomerados em vários cômodos da residência. Também segundo os agentes, muitos cães estavam abrigados em cercados de dois metros quadrados na parte externa da casa. Eles também encontraram filhotes, recém-nascidos”, destacou, em comunicado, a prefeitura de Limeira.

Segundo a administração municipal, a Vigilância Sanitária do município apreendeu diversas vacinas, de uso veterinário, com data vencida e armazenadas de maneira irregular, em uma geladeira com outros alimentos, muitos deles podres.

Os policiais apreenderam ainda R$ 30 mil que estavam na casa. O proprietário do local e a esposa foram detidos quando chegavam no condomínio. Eles foram autuados em flagrante por crimes ambientais, especificamente por maus-tratos a animais.

COmpartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Polícia

1 mar 2024

Na noite da última quinta-feira (29), um incêndio de grandes proporções atingiu um depósito de recicláveis localizado na Avenida da

Polícia

29 fev 2024

Na tarde desta segunda-feira (26) uma tragédia em São Paulo vitimou fatalmente José Ribeiro, um morador de 60 anos da

Cidades, Polícia

23 fev 2024

Um acidente envolvendo dois caminhões e um automóvel deixou uma vítima fatal na Bandeirantes, em Santa Bárbara d’Oeste, nesta sexta-feira

Polícia

22 fev 2024

Daniel Alves, ex-jogador da Seleção Brasileira, foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por estupro. A sentença

Polícia

21 fev 2024

A vendedora Thamiris Nathalia Rulim, de 32 anos, é a primeira vítima de feminicídio em Piracicaba. Ela foi morta pelo

Polícia

17 fev 2024

Nesta sexta (16) Americana foi palco de um trágico acidente que resultou na morte de Antônio Ivan Moura Caetano, motoboy