Últimas Notícias

Tribunal rejeita pela terceira vez contas de ex-prefeito Omar Najar

- Advertisement -

Foram percebidos: aumento da dívida, piora do índice de gestão municipal, déficit financeiro e excessivo numero de cargos comissionados

O Tribunal de Contas do Estado rejeitou, pela terceira vez consecutiva, as contas do ex-prefeito de Americana, Omar Najar. O parecer referente a 2018 foi encaminhado à Câmara, que tem a autoridade de fazer o julgamento final.

O ex-prefeito já teve rejeitadas as contas referentes aos anos de 2016 e 2018. Em ambos os casos a decisão do tribunal de contas foi revertida pela câmara. O único ano de governo do ex-prefeito em que houve aprovação dos gastos do Executivo foi em 2015, o primeiro.

- Advertisement -

A defesa de Najar, assim como nos anos anteriores, responsabilizou a gestão de Diego de Nadai pelos problemas financeiros da cidade, o que não foi considerado suficiente para os conselheiros.

Entre os problemas identificados está está a piora da efetividade da gestão, medida ano a anos, e o aumento das dívidas do município. O Tribunal identificou ainda, um excesso número de cargos comissionados e de gastos com pessoal, uma vez que em meio à demissão de servidores de carreira, Najar nomeou pessoas de confiança.

A decisão de rejeitar as contas de Najar teve o apoio do Ministério Público de Contas, que teceu várias críticas à gestão do ex-prefeito, apontando ainda problemas na área da Educação e da Saúde.

A Câmara terá, agora, a função de votar se acata ou não a rejeição de contas apontada pelo TCE. Para reverter a decisão do tribunal, são necessários dois terços dos votos no Legislativo.

- Advertisement -

Latest Posts

Mais Lidas