Redação Jornal Americanense

Americana é uma das melhores cidades do país em ranking de competitividade

A cidade de Americana ficou na 4ª posição entre as cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas) e 35ª posição geral no Ranking de Competitividade do Municípios 2023, estudo coordenado pelo Centro de Liderança Pública (CLP) e que levou em consideração estatísticas dos 410 maiores municípios do Brasil, que correspondem a 60,19% da população brasileira.

A quarta edição do ranking analisou municípios do País com população acima de 80 mil habitantes, dados coletados das prévias demográficas do Censo 2021. Na região Sudeste, Americana ocupa o 24º lugar.

Americana saltou 22 posições em comparação com o ano de 2022, quando ficou na 57ª colocação, e 30 posições se comparado a 2021, quando obteve a 65ª colocação. Na RMC, Americana ficou atrás apenas de Campinas, Indaiatuba e Vinhedo. No ranking geral, o município fica à frente de cidades como Osasco, Recife, São José dos Campos, Sorocaba, Araçatuba, Bauru, entre outras.

O ranking é composto por 65 indicadores, organizados em 13 pilares e três dimensões. E elenca os potenciais de cada cidade. Americana, por exemplo, é citada nos quesitos acesso à educação (13ª posição), qualidade da educação e segurança, ambas na 22ª colocação.

Outras áreas de destaque são acesso à saúde, meio ambiente, saneamento, sustentabilidade fiscal, inserção econômica, inovação e dinamismo econômico.

“Fiquei muito contente com esse resultado, um avanço muito importante para nossa cidade. Esses percentuais demonstram a eficácia e o sucesso das medidas da nossa gestão nas mais variadas frentes, como educação, saúde, meio ambiente e segurança”, disse o prefeito Chico Sardelli.

“Os números mostram que a cidade vem melhorando ano a ano, graças ao trabalho realizado pelo prefeito Chico Sardelli e o vice-prefeito Odir Demarchi, que comandam uma administração que preza pela saúde financeira do município sem deixar de lado as demandas mais urgentes da população”, salientou o secretário de Desenvolvimento Econômico de Americana, Rafael de Barros.

“É um resultado para comemorar, principalmente nas vésperas do aniversário de 148 anos de nossa cidade, que voltou a sorrir”, afirmou o vice-prefeito Odir Demarchi.

A elaboração do ranking levou em consideração itens como sustentabilidade fiscal, funcionamento da máquina pública, acesso à saúde, qualidade da saúde, acesso à educação, qualidade da educação, segurança, saneamento, meio ambiente, economia, inserção econômica, inovação e dinamismo econômico, capital humano e telecomunicações.

O Centro de Liderança Pública (CLP) é uma organização suprapartidária que busca engajar a sociedade e desenvolver líderes públicos para enfrentar os problemas mais urgentes do Brasil. Há 12 anos, trabalha por um estado democrático de direito de fato, que seja mais eficiente no uso de seus recursos e com respeito à coisa pública.

A organização define um governo competitivo como aquele que usa dados e evidências para a tomada de decisões e formula políticas públicas eficientes buscando a equidade, justiça, desenvolvimento econômico e social e qualidade de vida para a população.

Foto: Fernando Giordano

COmpartilhe

Facebook
Twitter
WhatsApp
Mais lidas

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ

Cidades

29 fev 2024

O governador Tarcísio de Freitas voltou à sede da B3 nesta quinta-feira (29) para bater o martelo no leilão internacional

Cidades

29 fev 2024

A Secretaria de Educação de Americana está com 18 vagas de estágio abertas para estudantes do Ensino Superior. São 12

Cidades

29 fev 2024

O Sinditec (Sindicato das Indústrias Têxteis de Americana e Região) lançou nesta quarta-feira (28) o primeiro “Concurso de Comunicação de

Cidades

28 fev 2024

O prefeito de Santa Bárbara d’Oeste, Rafael Piovezan, e a secretária da Cultura, Economia e Indústria Criativas do Estado de

Cidades

28 fev 2024

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Sumaré, por meio do PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), realizará o 3º Feirão

Cidades

28 fev 2024

Em uma ação intersecretarial de combate aos criadouros do mosquito transmissor da dengue, o Governo de SP convocou, para esta